Quarta, 12 de Junho de 2024 21:51
Anúncio
Polícia Polícia Militar

Homem em surto psicótico mantém família refém em Maceió: Polícia Militar age para resolver o caso

06/01/2024 21h04
Por: Eduardo Neres
Homem em surto psicótico mantém família refém em Maceió: Polícia Militar age para resolver o caso

Na manhã deste sábado (6), um homem em surto psicótico chocou a comunidade da Ponta Grossa, em Maceió, ao manter sua esposa e três filhos reféns em casa, utilizando uma foice como arma. O episódio tumultuado exigiu a intervenção imediata da Polícia Militar para garantir a segurança da família e conter a situação.

Continua após a publicidade
Entre para os nosso grupo de Whatsapp (CLIQUE AQUI PARA ENTRAR) e receba notícias diariamente.
Entre para o nosso grupo do Telegram (CLIQUE AQUI PARA ENTRAR) e receba notícias diariamente

Segundo relatos de familiares, o homem, que faz uso de medicamentos controlados, passou dois dias consumindo bebida alcoólica. O agravamento da situação culminou em um surto psicótico durante a madrugada, levando-o a ameaçar os familiares e impedi-los de deixar a residência.

Durante a crise, o indivíduo demonstrou comportamento agressivo, arremessando equipamentos eletrônicos e televisores pela janela, intensificando o perigo e a tensão na residência.

Continua após a publicidade

Negociação e liberação da família:
Após horas de negociação com as autoridades, o homem concordou em libertar sua esposa e os três filhos. No entanto, ele condicionou sua entrega à presença da mãe e de uma de suas tias. A complexidade da situação demandou uma abordagem cuidadosa por parte da Polícia Militar, que buscou garantir a segurança de todos os envolvidos.

Com a liberação parcial da família, a Polícia Militar conseguiu conter o indivíduo em surto, utilizando-se de técnicas de contenção adequadas. Posteriormente, ele foi conduzido para a Central de Flagrantes em um dos veículos do Corpo de Bombeiros, onde será submetido aos procedimentos legais.

Continua após a publicidade

O incidente na Ponta Grossa destaca a importância da atuação eficaz das forças de segurança em situações de crise, protegendo vidas e restabelecendo a ordem. O caso também levanta questionamentos sobre a necessidade de maior atenção e suporte para indivíduos que enfrentam problemas psicológicos, destacando a importância do acesso a tratamentos adequados para evitar desdobramentos trágicos como o ocorrido neste sábado.

Entre para os nosso grupo de Whatsapp (CLIQUE AQUI PARA ENTRAR) e receba notícias diariamente.
Entre para o nosso grupo do Telegram (CLIQUE AQUI PARA ENTRAR) e receba notícias diariamente

 

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias